Ocorreu um erro neste dispositivo

terça-feira, 28 de outubro de 2008

gosto de ti..........






espero vir a gostar de ti tanto como sei que gostas de mim,mas tenho um carinho imenso por ti,e estas a fazer-me muito bem e sorrir de novo por isso adivinha o que gosto de ti..............



Já pensei dar-te uma flor, com um bilhete, mas nem sei
o que escrever, sinto as pernas a tremer quando sorris
pra mim, quando deixo de te ver...
Vem jogar comigo um jogo, eu por ti e tu por mim.
Fecha os olhos e adivinha, quanto é que eu gosto de
ti.

Gosto de ti desde aqui até à lua,
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto, e é tão bom
viver assim...

Ando a ver se me decido, como te vou dizer, como te
hei-de te contar, até já fiz um avião com um papel azul,
mas voou da minha mão... Vem jogar comigo um jogo, eu
por ti e tu por mim. Fecha os olhos e adivinha, quanto
é que eu gosto de ti.

Gosto de ti desde aqui até à lua,
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto, e é tão bom
viver assim...

Quantas vezes parei à tua porta, quantas vezes nem
olhaste para mi, quantas vezes eu pedi que
adivinhasses, o quanto eu gosto de ti.

Gosto de ti desde aqui até à lua,
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto, e é tão bom
viver assim...


Andre Sardet....



fotos,final de tarde na Fonte da Telha......

2 comentários:

Nela disse...

Querida, Fonte da Telha, é a minha praia, de Verão Inverno amo esta praia, moro apenas a 25minutos de caminho, já podes ver, desde garota, bem garota ainda morando em Lisboa,vinha para aqui acampar, na altura em que deixavam, passei aniversários, meus de amigos, sempre com o meu irmão mais velho uma tia minha tem agora cá casa na altura terreno, e então também, vinha para cá acampar, a minha tia mais nova, com o marido e o filho pequenito, depois deixava cá ficar a tenda, porque tinha que cá vir muitas vezes já andava a construir, nós aproveitavamos, e nas férias lá vinhamos.Á noite iamos para junto ao mar, faziamos fogueira, um amigo nosso tocava viola, cantavamos, era" bué "de giro, sem maldade com amizade apenas, juntavamos um grupo , todos os anos o faziamos.Depois já era os namoros meu irmão, eu a olhar para ver o que mais me agradava...até os jovens pescadores eram nossos amigos e vinham para junto de nós, havia um barzinho que eles tinham onde nós iamos, cafés havia o Rampa velho, e a lareira, os únicos.Depois minha tia constuiu, meu pai comprou terreno mas em belverde, entretanto meu irmão casou, logo a seguir eu, fiquei a morar em Lisboa, mas como meus pais, tinham aqui casa, eu não podia estar sem minha mãe, e também compramos, e passado 2 anos vim para cá. Esta praia para mim tem sonhos, quando me deitava nas dunas, a "sonhar" tem alegrias tão grandes!bons momentos passados com o meu querido irmão, que era uma alegria, e faleceu á 2 anos com 56anos só.Venho de Verão, Inverno até passear com as minhas cadelas e com a minha filha, porque meu marido diz que eu sou doida, e de INVERNO só vem mesmo para beber o café.Conheço cada sítio, tudo me diz muito, sabes tive namorados pescadores, é verdade o meu irmão não me dizia nada, mas meu tio quando cá estava, andava sempre de volta deles,sabes nós até andavamos com eles de barco...que bom é recordar, olha um pescador que andava de volta de mim ainda hoje falamos, e sabes'? sou madrinha de uma filha dele, é mesmo verdade.Esta praia faz parte de mim, adoro ver o mar, só ele embora agitado me consegue acalmar, olhando-o, o mar que tem sempre duas côres, azul e verde mais ao longe, o qual se parece juntar ao céu! ainda este domingo lá fui beber café e dar uma caminhada.Tenho no meu blog num pensamento, uma paisagem do mar, onde se vê uma cerca em madeira, é a minha praia, foi a minha filha que a tirou.Os meus pais já não os tenho, minha mãe faleceu com 65 anos, meu pai á 7 anos enfim,está tudo muito diferente, vinha para esta praia poucas pessoas, agora enche demais, ao domingo nem se pode vir.Desculpa fizeste-me recordar, e recordar é viver amiga.Mas é uma boa praia, é grande é a "minha" praia.E PELOS VISTOS, E COMO NÃO A COMPREI TAMBÉM TUA NÃO? Luciana desculpa, olha era um tempo que se podia conviver, o meu irmão era o meu guardião sem ele não ia para lado algum,meu pai não deixava a menina andar sózinha, eu era a do meio a seguir a mim tenho o meu irmão mais novo .Amiga beijinhos desculpa.

luciana disse...

a Fonte da Telha e a nossa praia querida,gosto muito dela embora tu tenhas mais recordaçoes dela dq eu,guarda-as bem,sao elas a nossa vida...

adoro esta praia ao fim da tarde sime tenho tido boa companhia ultimamente:))))

mil beijos querida

Ocorreu um erro neste dispositivo